Erro 404 - Não foi possível encontrar
Me desculpa, mas a página que você estava procurando não existe.
Você pode ir para a página inicial.

MEUS ÚLTIMOS POSTS

4 46

Oi galera, tudo bom?

Semana passada lançamos o primeiro episódio da nossa semana no Crossfit, para quem não viu é só dar o play \o/

As gravações já estão na última semana, e eu já vou sentir falta de praticar essa modalidade. Ela é diferente de TUDO o que já fiz. Vai muito além de P90X e Insanity, mas muuuuito mesmo! Tem alguns movimentos parecidos, mas você mistura muito força, resistência, peso pesado, com cardio. Aprendemos coisas novas como:

Os famosos burpees são de matar (lançamos até um desafio no instagram com o professor)! E não são 3 séries de 15…são geralmente 10 séries de 10! (sim, você não leu errado hahahaha). Assim como se balançar com o querobel empurrando o quadril (essa e uma bola de ferro que tem diversos pesos), assim como pular na caixa por mais de 50 vezes, rs.  Mas é aquele tipo de aula que vale muito a pena, pois tem sempre um professor te puxando, ninguém fica parado, e você sai COMPLETAMENTE da sua zona de conforto, além de claro, sair completamente suado e acabado.

GOPR2930[11-00-26]

essa barra já tem 10kgs sozinha, e eu já tava acabada! rs

A aula é dividida em alongamento/técnica (onde repetimos séries de movimentos com a barra)/wod (workout of the day), e fica todo mundo junto no box, fazendo os mesmos exercícios e séries, mesmo os novatos. Claro que a carga de peso muda e você não precisa se matar, cada um ao seu tempo e limite do corpo. Nisso, um contador na parede vai nos mostrando o tempo que temos para fazer determinadas séries.

crossfit-camilla-pires

difícil agachar!

Na primeira aula o professor mostrou como seria o alongamento, algo como fazer barra e jogar as pernas para cima. Eu olhei para ele e ri de nervoso! Dai ele: ‘Calma, quem não consegue subir as pernas para cima pode só fazer a barra’. “SÓ FAZER A BARRA” – como se eu soubesse muito fazer barra hahahah. A série em questão era com 10 repetições, fiz 4. É. Mas é muito bom, pois a gente sempre se desafia a tentar ir mais além, fazer mais séries.

victor-freitas-camilla-pires-crossfit

Acabados mas felizes!

Com certeza, para mim, esse tá sendo o melhor esporte do Desafios até agora. Eu tenho muita dificuldade em agachar com a barra, mas muita mesmo. Já é dificil para mim agachar sem nada, pois meu quadril é TOTALMENTE travado, mas estou melhorando. É um aprendizado diário, e o importante mesmo é evoluirmos sempre, sem desistir.

crossfit

No fim é bem isso, a gente passa o dia sem conseguir andar! Não tô conseguindo nem correr esse mês hahahah :P

Pergunta: Algúem aqui pratica crossfit? Me conta nos comentários! Para continuar acompanhando os episódios de Desafios da Vida Saudável, inscrevam-se no canal clicando aqui! E você, aceita o desafio?

Work hard, play hard!

1 153

Oiiiii pessoal! Hoje vim falar para vocês do meu Bazar! Quem me acompanha pelo Instagram e na Fanpage do blog já deve ter notado que eu estou me desapegando de tudo! Ok, não tudo…mas boa parte das coisas que tenho acumuladas e não uso. São itens novos que compro por aí, que ganho, ou que muitas vezes eu nem tenho chance de usar e ficam encostadas aqui ocupando espaço. Dai resolvi pme desapegar e criei um tumblr. Já vendi muitas coisas mas cada dia coloco mais itens.

Então vou deixar o link aqui para vocês acessarem. Confiram alguns dos itens que tô vendendo por lá: 
bazar-da-camys

Curtiram? Tem muito mais clicando aqui!

Espero que gostem! Para quem mora em SP eu posso fazer retirada também, já vendi algumas coisas para leitoras e acabamos imendando em papos super legais (né Alexia e Thais? rs), então estou aberta a isso também. :)

Beijos!

12 149

Oieee!

Ontem rolou em SP mais uma edição da M5K! Já é o meu terceiro ano correndo essa prova (saiba como foram as edições passadas, aqui e aqui) e foi muito especial pois vi e revi muita gente, além de estar presente na primeira prova da vida de muitas! O centro de SP ficou mais uma vez rosa e cheio de charme, eu adoro esse percurso pois é bem histórico, então para quem não conhece o centro da cidade, essa prova é uma bela maneira de conhecer: correndo. ADOREI!

Confiram as fotos:

duca-mendes-camilla-pres-carol-thome

Queridos amigos do canal ‘Cozinha para 2′ -  1ª prova da Ca!

DCIM112GOPRO

amiga de infância na sua 1ª prova!

DCIM112GOPRO

Lau querida!

DCIM112GOPRO

Leitoras! <3

Pergunta: Você participou dessa prova? Me conta nos comentários como foi! 

2 273

Oi pessoal, tudo bom?

Final de semana tá chegando e a vontade de comer muuuuuito aparece, né? Fiz um vídeo contando um pouco sobre como era a minha compulsão alimentar e mostrando para vocês 5 técnicas para acabar com ela! Sim, isso leva tempo e exige paciência mas dá certo!

As técnicas que falei no vídeo são:

1. Anote o que come;

2. Coma mais vezes ao dia;

3. Prepare o ambiente;

4. Aprenda a dizer “Não”;

5. Exercite-se

Espero que tenham gostado!!! <3

0 199

Oi pessoal, tudo bom? Como foram de final de semana?

Hoje vim mostrar para vocês o episódio final do nosso mês na escalada. Dá o play aí em cima e me contem o que acharam! :D

Foram 4 semanas subindo pelas paredes lá na Casa de Pedra, a maior casa de escalada indoor que existe em SP. Eu adorei a experiência mas confesso que tive muito medo várias vezes, de tremer a perna mesmo. Claro, sabia que o Vi tava lá embaixo me segurando mas sabe quando a cabeça te bloqueia de seguir em frente? Então! hahaha. Eu subi apenas UMA parede até o topo, em um mês. Sim, me senti um pouco derrotada sabe? Meio que me decepcionei comigo mesma, mas acontece.

O importante é que me diverti muito, me superei mais do que imaginei e foi uma experiência incrível! Para quem pensa em escalar para experimentar, passa lá na Casa de Pedra…dá para fazer uma aula avulsa ou fechar um plano mensal. Como disse no vídeo, eu adorei a vibe da galera lá, todo mundo se ajuda e os instrutores são mega atensiosos. Adorei mesmo!

E agora estamos pegando firme no crossfit! Aguardem o primeiro episódio do esporte em breve lá no canal da websérie.

Beijo!! <3

0 161
Chegou o Outubro Rosa. Conhecido como o mês da conscientização sobre o câncer de mama, o movimento, que começou nos Estados Unidos em 1990 representado por um laço cor de rosa, ganhou força no mundo todo. O câncer de mama é o segundo tipo mais comum em todo o mundo e o mais frequente em mulheres. De acordo com o INCA (Instituto Nacional de Câncer), só este ano, mais de 57 mil novos casos devem ser diagnosticados no Brasil.

“O acompanhamento médico e a realização da mamografia a partir dos 40 anos são fundamentais para um bom prognóstico. Se diagnosticado precocemente, o câncer de mama tem uma chance de cura de até 95%”, ressalta o oncologista da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo, José Rodrigues Pereira.

Abaixo, o especialista da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo esclarece dez dúvidas frequentes sobre a doença:

1) O que causa o câncer de mama?

Há diversos fatores que aumentam o risco de desenvolver um câncer de mama: sexo feminino, idade superior a 40 anos, raça branca, aumento da densidade mamária na mamografia, obesidade na pós-menopausa, primeira menstruação antes dos 13 anos, menopausa tardia, ausência de gestação ou gestação em idade tardia (depois dos 35 anos), terapia de reposição hormonal na pós-menopausa, história pessoal de câncer de mama, número de parentes de primeiro grau com câncer de mama e frequente ingestão de álcool em doses moderadas a altas.

2) Ele é hereditário?

Apesar de portadoras de câncer de mama citarem outros familiares com o problema, apenas 10% dos casos podem apresentar mutações genéticas hereditárias, como o BRCA1 e BRCA2.

3) O uso de anticoncepcionais ao longo da vida pode contribuir com o problema?

A relação entre o uso de anticoncepcionais orais e o aumento no risco de câncer de mama ainda é controverso. Estudos epidemiológicos com milhares de mulheres não demonstraram aumento significativo no risco da doença. Além do mais, os anticoncepcionais atuais possuem dosagem hormonal inferior aos que eram usados antigamente.

4) Homem tem câncer de mama?

O câncer de mama no sexo masculino é raro e representa 1% de todos os casos diagnosticados. A incidência em mulheres chega a ser 100 vezes maior do que em homens.

5) Como o câncer de mama é diagnosticado?

O rastreamento de câncer de mama com mamografia anual é indicado em mulheres a partir de 40 anos, conforme recomendado pela Sociedade Brasileira de Mastologia. Nos casos suspeitos, a confirmação do diagnóstico de câncer de mama é feito por meio da biópsia de lesões identificadas na mamografia, ultrassom, ressonância mamária ou exame clínico.

6) O autoexame é capaz de detectar todos os tumores?

Não, menos de 10% dos tumores de mama são identificados por meio do autoexame. Ele não deve ser considerado como substituto à realização da mamografia porque não foi demonstrada redução da mortalidade por câncer com essa prática. Mas, nem por isso deve ser abandonado, pois o autoexame pode reduzir o número de casos avançados.

7) Todo nódulo na mama pode virar câncer?

Aproximadamente 90% dos nódulos de mama palpáveis em mulheres entre 20 e 50 anos são benignos, como os fibroadenomas, cistos ou necroses do tecido adiposo. Algumas características clínicas, como inchaço da pele, retração cutânea, ulceração e sangramento pelo mamilo podem indicar a presença de câncer de mama.
8) Como é o tratamento?

Existem cinco modalidades de tratamento que devem ser avaliadas conforme as características de cada caso: cirurgia, radioterapia, quimioterapia, hormonoterapia e terapias -alvo.
A cirurgia é a base do tratamento curativo. Ela pode ser conservadora, quando preserva a mama, ou radical, quando há a retirada da mama e do mamilo. A radioterapia é um tratamento complementar para reduzir o retorno da doença. A quimioterapia, que também é um tratamento complementar, além de reduzir a recidiva do câncer, também diminui a possibilidade de metástase em outros órgãos. A hormonoterapia bloqueia o estímulo dos hormônios femininos sobre as células tumorais e está indicada para as pacientes com tumores que expressam receptores hormonais. Trastuzumabe é uma terapia-alvo indicada para pacientes com superexpressão da proteína HER2 no tumor.

9) Quais as chances da doença voltar?

Quanto mais precoce for diagnosticado, maior a chance de cura. Tumores em estádios iniciais apresentam chance de cura em 80 a 95% dos casos Nos tumores em estágios avançados, a chance de cura cai para 50 a 70% dos casos.

10) É possível prevenir o câncer de mama?

Algumas medidas podem reduzir o risco, como a amamentação, que pode diminuir o  risco em 4,3% para cada 12 meses dessa prática. A ingestão de alimentos ricos em fitoestrogênios, como soja (isoflavona) e as frutas (lignanas) também pode ter efeito protetor. A prática de atividade física regular e controle do sobrepeso na pós-menopausa são ouro exemplo. Além disso, deve-se evitar o uso de terapia de reposição hormonal na menopausa por período prolongado e a ingestão de grandes quantidades de álcool.

Pacientes com lesões precursoras de câncer de mama podem ter o seu risco reduzido quando realizado o tratamento com tamoxifeno e outros inibidores estrogênicos por cinco anos consecutivos. Pacientes com mutações hereditárias BRCA1 e BRCA2, cujo risco para desenvolver um câncer de mama é de 50% ou mais, podem se beneficiar preventivamente da mastectomia profilática. Apenas um médico especialista poderá avaliar cada caso e indicar a melhor forma de prevenção ou tratamento da doença.

Espero que tenham gostado e esclarecido as dúvidas de vocês! Cuidem-se sempre! <3